Notícias

4 Erros que estão prejudicando o tráfego do seu blog (e como resolvê-los)

Você finalmente decidiu criar um blog para sua empresa. Você leu artigos abordando a importância de um blog para seu site e foi convencido por especialistas em marketing digital a criar o seu próprio blog.

Você, até então empolgado, dedica horas escrevendo um artigo impecável. Olha, corrige, revisa de novo e finalmente aperta o glorioso botão de publicar.

Pronto!

É só esperar que os comentários e compartilhamentos surgirão aos montes, e as pessoas naturalmente serão atraídas para seu website.

O tempo passa, e as únicas pessoas que viram seu post são seus colegas de empresa, amigos e familiares...

Você tenta de novo, e o resultado é o mesmo. Até que você se desmotiva e deixa esta importante parte de sua estratégia digital de lado.

Este fenômeno é extremamente comum e ocorre o tempo inteiro com blogs de empresas de diferentes setores de atuação. E não é difícil identificar o porquê. Em muitos setores, você estará competindo com muitos outros blogs pela atenção dos mesmos usuários. E então é preciso fazer diferente, fazer mais, fazer certo!

Para te ajudar, preparamos este post com 4 erros que podem estar prejudicando o tráfego do seu blog (e como você pode resolvê-los).

1) Seu conteúdo não está sob demanda

Este é o elemento mais importante de um blog bem executado, e é por ele que vamos começar. Ao criar um blog post, faça algumas perguntas a você mesmo:

Este tópico já foi discutido por centenas de outras fontes?

Em outras palavras, o conteúdo do seu blog post pode acrescentar alguma coisa que seus compradores com certeza não leram em outro lugar?

O tópico está claramente explicativo e coberto?

Ao terminar de ler seu artigo, o mais importante é que os leitores possam ter o domínio do artigo abordado.

Este tema é pertinente a necessidade dos seus compradores?

Coloque-se na pele de sua audiência e pense sobre quais questões seus consumidores podem estar se perguntando. Então, crie blog posts que forneçam respostas a estas questões. Você pode utilizar o planejador de palavras-chave do Google para obter dados de palavras-chave que seus compradores pesquisam – o que lhe conferirá maior assertividade na produção de um artigo.

Eu leria esse post?

Se a resposta for não, então provavelmente seus visitantes também não vão querer.

O tópico é muito amplo ou muito restrito?

Se um tópico é muito amplo, seu post provavelmente ficará enterrado nos milhares de resultados de pesquisa que retornam conteúdos similares ao seu. Por outro lado, se o seu post for extremamente específico, é improvável que seus compradores conseguirão chegar até seu site através deste blog post.

Neste último ponto, você certamente pode criar conteúdo que seja mais direcionado – o que é especialmente válido em negócios de nicho –, mas tente não ser extremamente restrito.

Enquanto conteúdos direcionados tendem a atrair menos tráfego, os tópicos serão altamente relevantes para a audiência que se quer atingir – o que significa que os visitantes que lerão os posts serão mais qualificados, tornando maiores suas chances de conversão.

Dica: Mesmo que você tenha um conteúdo altamente relevante e direcionado, postar conteúdo apenas esporadicamente é um erro de SEO que certamente pode prejudicar seus rankings de pesquisa.

2) Você não está se aproveitando das mídias sociais

Se você não está utilizando suas mídias sociais, você está perdendo uma grande oportunidade de expandir o seu alcance.

Incluir botões de compartilhamento social em cada blog post torna mais fácil para seus leitores a tarefa de compartilhar seu conteúdo com suas redes sociais – o que vai te ajudar a aumentar sua visibilidade.

Promover novos posts de blog em seus perfis oficiais nas mídias sociais (incluindo Facebook, Twitter e LinkedIn) é essencial para aumentar o tráfego e levar novos leitores ao conhecimento do seu conteúdo.

As principais plataformas sociais, como o Facebook e o LinkedIn, possuem métodos de divulgação do seu conteúdo para audiências altamente segmentadas. Com poucos reais, você pode impulsionar seu conteúdo para que ele seja visto por um número muito maior de pessoas do que por apenas aquelas que curtiram sua página.

Isto posto, seu objetivo deve ser criar conteúdo interessante o suficiente para que seu público-alvo compartilhe com suas redes. Este engajamento constrói a credibilidade do seu blog, o que significa que cada vez mais prospects irão compartilhar seu conteúdo.

Isto pode ter um efeito bola de neve:

·         Sua marca se torna um recurso de confiança

·         A autoridade do seu website aumenta

·         Seus rankings de busca melhoram

Dica: Não tenha medo de publicar seu conteúdo mais de uma vez. Pelo contrário, publique-o em diferentes dias e em diferentes horários para extrair o máximo de alcance.

3) Você está incluindo palavras-chaves erradas

Existem dezenas de ferramentas de pesquisa de palavras-chave por aí, mas na opinião deste autor a SEMrush é uma das melhores.

O painel de análise da ferramenta te permite não só encontrar palavras-chaves relacionadas, mas também ver o volume de busca de cada palavra (ou a combinação delas).

Com esta informação, você pode escolher qual palavra-chave será primária (ou seja, aquela que você vai incluir no título, metadescrição e conteúdo do seu artigo) e quais frases relevantes para serem usadas no corpo de texto. A ferramenta ainda traz o nível de competição e dificuldade para posicionar cada palavra-chave.

Conforme você faz sua pesquisa de palavras-chave, pense sobre qual informação você estaria procurando se você fosse um comprador e como você resumiria sua pesquisa em poucas palavras. Você também deve considerar algumas variações de pesquisa que, no fundo, tem a mesma intenção. Exemplo:

·         “quero aumentar o tráfego do meu site”

·         “como conseguir mais cliques no meu site”

·         “aumentar o número de visitantes”

Enquanto pesquisa é feita com diferentes termos, a intenção permanece a mesma: o usuário quer saber como aumentar o tráfego de seu website. Tente incorporar, de maneira natural, estas variações de palavras dentro do seu conteúdo para aumentar a visibilidade dos seus posts.

Dica: Não cometa o erro comum de SEO chamado keyword-stuffing – que é a repetição excessiva de palavras-chave no mesmo conteúdo.

4) Você tem poucos inbound links

Um inbound link é um link de outro site direcionando para o seu. Quando sites especializados no seu setor de atividade, notícias da imprensa e demais sites respeitados fazem um link para o seu blog, você estará construindo vias extras para que o seu conteúdo seja exposto a audiências maiores, porém com interesses similares ao do seu público-alvo.

Assim como você quer aumentar os inbound links do seu blog, outras marcas também querem.

Muitos webmasters, profissionais de SEO e demais especialistas de marketing e conteúdo tendem a construir links em seus artigos para outros sites, como uma forma de encorajar esta troca mútua de links.

Outra maneira mutuamente benéfica de conquistar inbound links é através do guest blogging. Isto é, a prática de escrever um artigo para um site relevante ao seu negócio em troca de um link para o seu site.

Dica: O número de inbound links não é, necessariamente, tão importante como a qualidade da fonte dos links. Mesmo poucos inbound links, vindo de fontes de autoridade, são melhores do que centenas de links vindos de sites de baixa qualidade.

Obedeça as Políticas do Google e seja encontrado

Complementando as dicas acima, é crucial ficar a par de novas estratégias de SEO e mudanças de algoritmos. Uma parte fundamental de qualquer estratégia é seguir as Políticas do Google e evitar penalidades.

Um blog preenchido com conteúdo interessante e relevante para sua audiência é uma grande ferramenta de geração de demanda – apenas certifique-se que público-alvo possa encontrá-lo.

 

 

 

 

 

*Fonte: Hubspot